Luiz Felipe de Azevedo Filho com Sierra du Piedroux é vice em GP5*, 1.60m, no Global Champions Tour no México

Luiz Felipe de Azevedo Filho com Sierra du Piedroux Z em salto perfeito (Luis Ruas) (Médio)

Perante grande público na Cidade do México, o brasileiro Luiz Felipe de Azevedo Filho apresentando Sierra du Piedroux Z sagrou-se vice-campeão do Grande Prêmio do Longines Global Champions Tour, 3ª Etapa do circuito na temporada 2024, no domingo, 14/4, com 327 mil euros em jogo.

Dos 36 conjuntos, cinco habilitaram-se ao desempate e somente dois voltaram a zerar. Nicola Philippaerts garantiu sua terceira vitória em um GP do Longines Global Champions Tour, montando H&M Luna van’t Ruytershof, de 12 anos, sem faltas em 45s03. Já Luiz Felipe e Sierra du Piedroux Z, égua de apenas 10 anos, zeraram em 48s51, conquistando o importante vice-campeonato. Completou o pódio na 3ª colocação, o espanhol Eduardo Alvares Aznar apresentando Rokfeller de Pleville Bois Margot, de 19 anos, em 43s46, mas com um derrube.

“Na verdade o sabor de uma conquista como essa é indescritível. Primeiro porque o meu conjunto com a Sierra vem sendo construído passo a passo, pois ela chegou em nossa equipe Fape aos 6 anos de idade recém completos. Evoluir e acompanhar o amadurecimento de um cavalo formado em casa é muito gratificante”, comemorou Luiz Felipe.

“Aqui no México, a égua foi, sem dúvida, o cavalo de melhor rendimento entre todos. Ficamos em quarto no primeiro dia em uma prova de 1.50m, sexto no segundo dia em uma prova a 1.60m e fechamos com este incrível segundo lugar no GP. Fico até sem palavras, a égua já vem mostrando uma qualidade e regularidade rara neste nível”, acrescentou o top brasileiro, primogênito do medalhista olímpico Luiz Felipe de Azevedo e que compete ao lado de filho Luiz Felipe Neto.

Somente em 2024, entre outras importantes classificações, a dupla chegou em 3º no GP4* de Abu Dhabi e no GP3* Al Ain. “Outro fato que me enche de emoção e alegrai é poder desfrutar de um circuito de alto nível ao lado do meu filho. Isso é o mais gratificante”, destacou Felipinho Filho, que agora se prepara para o CSIO Gorla Minore e CSI4* Montefalco, na Itália, e o Global Champions Tour de Madrid.

“Estamos sempre na expectativa de representar o Brasil em concursos oficiais, mas sempre depende de uma convocação oficial por parte da CBH. Vamos trabalhando e tentando melhora, pois ainda temos muito a aprimorar e sabemos que isso requer foco e resiliência. Mas tenho a certeza de que sou um abençoado por ter uma Sierra em minha vida. Tenho que agradecer a minha família, a todo time Fape, ao meu sócio e criador da Sierra, C. Noirreux, e a minha equipe Mônaco Aces no Global Champions Tour”, finalizou o cavaleiro.

Ao todo, o Longines Global Champions Tour, mais badalado circuito do hipismo mundial, conta com 16 etapas em 2024. A 4ª Etapa rola em Shangai na China, entre 3 e 5/5, e a 5ª em Madrid, Espanha, de 17 a 19/5.

Resultado completo

Colaboração: Carola May

Views: 24